terça-feira, 28 de dezembro de 2010

"BONECOS DE LATA" NO NATAL DAS CRIANÇAS INTERNADAS NO HU


"BONECOS DE LATA" NO NATAL DAS CRIANÇAS INTERNADAS NO HU
Por Merlânio Maia

Dia 25 de Dezembro de 2010, nós do Projeto Bonecos de Lata, fomos fazer uma visitinha às crianças internas do HU-Hospital Universitário, aqui mesmo, em João Pessoa/PB.

Foi um dia de alegria profunda, um Natal recheadíssimo de alegria e amor imenso àquelas crianças, que, banidas do seu lar, da sua rotina natalina entre os seus familiares, estavam tristes. A doença em si já traz grande sofrimento, porém é potencializada quando se instala nos períodos de festa, de confraternização, como é o período natalino.

E foi aí que nós chegamos, com violão, violino, pandeirola e muita canção, muita dança, coreografia, brincadeiras, histórias para contar...

Fizemos a festa!

Para completar a jornalista e repórter Nelma Figueiredo, chegou com a TV CORREIO e ainda fez uma reportagem conosco para levar a alegria para todos os rincões desta Paraíba linda.

Para nós foi o coroamento da alegria do Natal, só que com um gostinho muito melhor, numa proporção muito maior, pois estávamos levando a nossa alegria, para os pequeninos amigos internados no HU e ali ganhamos novos amigos para a jornada na Terra.

domingo, 26 de dezembro de 2010

POEMA DE PAZ

POEMA DE PAZ
Merlânio Maia

Senhor, Tua Manjedoura,
Simbolizou a humildade
Mostrou que a felicidade
Com pouco se satisfaz
Sua receita é tão simples
Basta acreditar no amor
Pra construir com valor
A consciência de Paz

Não precisa do poder
Não depende de ter cobre
Mas necessita ser nobre
E ter nobres ideais
Saber que o mal é uma sombra
Que se dissipa na luz
Pois quem assim se conduz
Já é construtor de paz

E da Manjedoura à Cruz
Teus passos nos ensinaram
E nossas almas marcaram
Com a força do Teu fulgor
Que aqueles que Te conhecem
Te pertencem de verdade
E vivem desta amizade
Forjada no puro amor

O que temer se Teu braço
Junto de nós se apresenta
E nunca jamais se ausenta
Dando-nos força tenaz
E ao seguir Teu caminho
Vivemos tanta verdade
E é tanta a felicidade,
Tanto amor e tanta paz!...

E a força do Teu exemplo
Chegando à Terra criança
Nos enche de esperança,
Nos impulsiona e faz
Que em nós o amor apareça
E nos dê felicidade
Contagiando a humanidade
Na Nova Era da Paz!

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

INFÂNCIA E FELICIDADE

INFÂNCIA E FELICIDADE
Merlânio Maia

Quem no tempo de menino
Não sonhou bem acordado
Não criou o seu reinado
Não vasculhou a cidade
Não fez castelos na areia
Não desejou bater sino
Se não fez quando menino
Cresceu sem felicidade

Quem nunca fez palhaçada
E nem criou passarinhos
Filhotes inda nos ninhos
E os adestrou de verdade
Quem não corria na chuva
Quem não banhou em biqueira
E não viveu na brincadeira
Cresceu sem felicidade

Quem não fez seu próprio circo
Pintando a cara de barro
Nem fez de flandres seu carro
Dando asas à liberdade
Não viu figuras nas nuvens
Nem nunca no céu voou
Pela infância não passou
Cresceu sem felicidade

Quem nunca brincou de roda
Nem jogou bola de gude
Não viu rio, nem viu açude
Nem fugiu da tempestade
Não jogou bola na chuva
Foi vivente a vida inteira
Mas viveu sem brincadeira
Cresceu sem felicidade

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

É NATAL JESUS NASCEU!

É NATAL JESUS NASCEU!
Merlânio Maia

É treva densa na Terra
Um casal anda na noite
Subindo e descendo serra
E o vento com o seu açoite

Tão somente um jumentinho
A doar seu lombo amigo
O casal procura um ninho
Para dormir sem perigo

A jovem mulher espera
A chegada de um menino
Porem não se desespera
Canta de louvor um hino

A voz soa na calada
Acalma o vento veloz
Uma luz mostra a estrada
Eles não estavam sós

Era a Luz enorme e bela
Que acompanhava o cortejo
Tão linda era aquela estrela
Que a noite sorriu num beijo

E no ventre da mulher
O menininho mexia
Na certa estava contente
Com o que a mãezinha fazia

Um vilarejo está perto
E o casal procura ajuda
Pedindo um cantinho certo
Mas toda gente está muda

Em toda porta que bate
Ninguém lhesatenção
O gato mia, o cão late
Mas ninguém estende a mão

O cortejo e a estrela
Vão saindo da cidade
O povo que mora nela
Não sabe o que é caridade

E o menino em seu cantinho
Com vontade de nascer
Para ensinar o caminho
Que todos devem aprender

A mãe sente que é a hora
Do menininho chegar
E a estrela sem demora
Vai indicando o lugar

É uma tosca estrebaria
Onde dormem os animais
José pergunta a Maria
Se suas dores são demais

Maria diz: - é hora
E José pede aos pastores
Pois sua mulher agora
Do parto sente as dores

Bem felizes os pastores
De capim correm fazer
Uma cama e os cobertores
De começam a tecer

Da manjedoura improvisam
Belo berço, assim, sem par
Os animais logo avisam
Que a Luz está pra chegar

Pastores tiram o chapéu
fora da estrebaria
E escutam um coro dos Céus
Que cantando lhes dizia:

- Glória ao Pai, Deus nas alturas
pois a Terra recebeu
dos Céus presente e fartura
É Natal Jesus nasceu!

Aquela estrela piscava
Tanta Luz dos Céus desceu
E no seu piscar cantava:
- É Natal Jesus nasceu!

Ovelhas, vacas, burricos,
Animais do jeito seu
Cantavam com os passarinhos:
- É Natal Jesus nasceu!

E o grupo de bons pastores
A Deus logo agradeceu
Cantava num hino de amores:
- É Natal Jesus nasceu!

Maria olhava o menino
Com o amor que Deus lhe deu
Canta um acalanto ao divino:
- É Natal Jesus nasceu!

E os Reis magos do Oriente
Sentindo o que aconteceu
Ouvem da estrela cadente:
- É Natal Jesus nasceu!

E vão visitar correndo
O Rei que dos Céus desceu
Iam cantando e dizendo:
- É Natal Jesus nasceu!

E até hoje a humanidade
Comemora o jubileu
Nesse dia se ora e canta:
- É Natal Jesus nasceu!

VELHINHA QUE PASSA

VELHINHA QUE PASSA
Merlânio Maia

Veja, minha filha, olhe aquela velhinha
Que passa na rua sem força e sem graça
Vergando o seu corpo de dor e desgraça
Mancando, pedindo e vagando sozinha

Um dia, querida, saúde ela tinha
A correr sorria e divertia a praça
Como outras crianças fazia pirraça
Brincando de roda e de anel à noitinha

Assim é o tempo que passa correndo
E entre nossos dedos se esvai sai descendo
Levando consigo dores e esperança

Nunca zombe dela, nem faça chacota
Pois se hoje a pobre caminha sem rota
Um dia também ela já foi criança


quinta-feira, 21 de outubro de 2010

CORDEL DE COMBATE AO CÂNCER INFANTIL de Merlânio Maia

Somos defensores e Voluntários no Combate ao Câncer infanto-juvenil, portanto escrevemoseste CORDEL para alertar os pais, familiares e amigos da criança.
NÃO CHEGUE TARDE DEMAIS.
Esteja sempre alerta a criança precisa dos cuidados do adulto. Seja aquele semeador da felicidade das crianças.

NÃO CHEGUE TARDE DEMAIS
Merlânio Maia

Brasileiro, meu irmão,
Homem de fibra, homem forte,
Herói da nossa nação,
Que enfrenta o destino e a sorte
Sempre cheio de esperança
Zele mais pela criança
Contra o mal que a leva a morte

Salve o filho do perigo
Dê conforto, dê comida
Seja atento meu amigo,
Mantém a vista comprida
Sê vigilante na trilha
Como bom pai de família
Tesouro da tua vida.

Hoje vim pra te falar
De uma triste doença
Que está por dentro e por fora
Marcando a triste presença
É a maligna NEOPLASIA
Ou Câncer que se irradia,
O “CA” que fala a crença!

Hoje o câncer já tem cura
O Câncer tem tratamento
Sua cura é comprovada
Corra, não perca um momento,
Procure logo um doutor
Que sanará sua dor
E todo este seu tormento

É preciso agir depressa
Pois se algo lhe ocorrer
Vá logo buscar a ajuda
Não deixe a dor lhe abater
Deus ajuda quem madruga
Não espere criar ruga
Vá logo se socorrer

É urgente o meu alerta
Para o jovem e a CRIANÇA
Pois se os pais têm amor
Devem levar a bonança
Pra vida manter seus brilhos
Zelando mais por seus filhos
Que são vida e esperança


Vou lhe relatar agora
Os sintomas mais urgentes
Se perceber que aparece
Na criança e adolescente
Não esqueça de ir ligeiro
Tempo é vida, companheiro,
Busque ajuda competente

Quando o pequeno adoece,
Se enfraquece, tem fastio,
A barriga vai crescendo
E o “bichin” sentindo frio
Uma febre persistente
Que vai e volta insistente
E a dor cresce no vazio

Fica pálido ou amarelo
Sem nenhuma explicação
E não há chá que dê jeito
Amigo, preste atenção,
Não guarde doença em casa
Pegue o filho e abra a asa
Que é grave a ocasião

Se no menino ou menina
Aparecer sangramento,
Manchas roxas pelo corpo
Sem que haja ferimento
E sem nenhum machucado
Amigo tenha cuidado
Corra atrás de um tratamento

Se aparece na criança
Vômito e dor de cabeça
Tontura e vista cansada,
É bom que não se esqueça
Tome logo uma atitude
Corra a um Posto de Saúde
Ou Hospital que conheça

Se o olho da criança
Está crescendo demais
E ao redor tem mancha roxa
Lembre-se que estes sinais
É de quem está doente
Procure um médico urgente
Para não perder a paz

Ou ainda se aparece
Um reflexo esbranquiçado
E se no clarão da luz
O olho muda de estado
Fica com cor diferente
Procure socorro urgente
Pra o menino ser curado

E se o menino reclama
De inchaço e dor no osso
Diz que as juntas doem muito
Com joelho inchado e grosso
Com ou sem nenhum inchaço
Dói do dedo ao espinhaço
Um doutor é o seu reforço

Se as ínguas estão crescendo
E não param de crescer
Procure ligeiro ajuda
Não o deixe padecer
Tudo isso tem tratamento
Mas sem perder um momento
Um doutor precisa ver

Se há no corpo da criança
Em qualquer parte um caroço
Seja na sua barriga,
Cabeçaperna ou PESCOÇO,
Leve-o logo ao hospital
No inicio deste mal
O tratamento é um colosso


Se um dia a sua criança
Estiver com a pressão alta
Ou com sangue na urina
E ela não brinca e não salta
O Pediatra é o caminho
Pra desvendar com carinho
A doença que lhe assalta

No início da doença
O tratamento é potente
É possível ao pediatra
Com os exames, de repente,
Encontrar a solução
E resolver a questão

Do pequeno paciente
A saúde é o tesouro
Maior que a vida traz
Zelar a vida do seu filho
É obrigação dos pais
O câncer tem tratamento,
Tem cura e medicamento
NÃO CHEGUE TARDE DEMAIS!

Veja o futuro do mundo
Há tanta falta de paz
Sua ação faz diferença
Fique atento um pouco mais
Vá ao médico regularmente
Seja um protetor presente
NÃO CHEGUE TARDE DEMAIS!

Criança e adolescente
São seres especiais
Vidas da vida da gente
Nossos tesouros reais
Necessitam de saúde
Tome a melhor atitude
NÃO CHEGUE TARDE DEMAIS!

O câncer, hoje tem cura,
Há excelentes hospitais
Máquinas, diagnósticos,
Médicos, profissionais,
Para termos vida sã
Somos DONOS DO AMANHÃ
NÃO CHEGUE TARDE DEMAIS!